21 de junho de 2016

Em meio aos escombros

Ele me perguntou: “Filho do homem, esses ossos poderão tornar a viver? Eu respondi: Ó Soberano Senhor, só tu o sabes.” Ezquiel 37.3

O cenário é o mais improdutivo, triste e desprovido de qualquer esperança. Imagine se você estivesse em um cemitério e alguém lhe perguntasse se os mortos ali sepultados poderiam voltar a viver? A resposta mais lógica seria: Não. Pois bem a situação do profeta Ezequiel era ainda mais complicada. Ele estava no meio de um vale cheio de ossos secos. Depois de andar por esse vale e ver nada mais do que um amontoado de ossos, completamente secos e sem vida, Deus lhe perguntou se havia esperança para aqueles ossos: “Esses ossos poderão reviver?”.
Cada vez que leio essa história, penso na situação do profeta, coloco-me em seu lugar e pergunto-me de que maneira teria respondido. Seria possível a vida acontecer em meio a tal escombro? E você, como teria respondido? Sei que todos nós temos vivido aqui e acolá situações de muitas dificuldades. Todas as vezes que em meio a grandes aflições, não nos desesperamos, orando ainda mais ao nosso Deus, pedindo que a vontade dele seja feita, afirmando que confiamos na ação do Senhor, rogando que ele venha em nosso auxílio, estamos de certa forma dizendo que cremos no ilimitado poder do Eterno pai de fazer até ossos secos voltarem à vida.



Lendo esse texto do livro: Viver com Deus é uma bênção de Jilton e Ester Moraes, fiquei pensando no poder enorme do nosso Deus e quantas vezes em situações simples da vida agimos como se ele fosse limitado. Uma das maiores mensagem que Ezequiel deixou para nós no capítulo 37, foi que a vontade de Deus vai sempre prevalecer e será a melhor em qualquer situação, seja ela boa ou ruim aos nossos olhos humanos, falhos e pecadores, que muitas vezes diz que confia no Senhor, mas que na verdade quer que seus próprios desejos sejam realizados, e quando isso não acontece acha que o “não de Deus” foi ruim, deixa de agradecer por que a vontade de Deus foi que prevaleceu.

 A resposta de Ezequiel foi uma expressão de fé, ele respondeu firmemente: “Ó soberano Senhor só tu o sabes”, ele não disse: Não sei, talvez, mas ele confiou no poder do nosso Deus de fazer todas as coisas conforme a sua vontade. Ele creu em um Deus capaz de tornar o impossível possível, um Deus que age soberanamente em qualquer situação. Ezequiel creu que se estivesse nos planos de Deus assim aconteceria.

Isso me fez perguntar como está minha fé, em quem tem confiado? Como estou agindo diante das dificuldades? Você que chegou até aqui faça essas perguntas também. Pense e reflita no poder do nosso Deus, que é capaz de fazer muito mais do que imaginamos.

“E sabereis que eu sou o Senhor, quando eu abrir o vossos sepulcros, e vos fizer subir das vossas sepulturas, ó povo meu.” Ezequiel 37.13.

Um lindo dia para você.


4 comentários:

  1. Lindo esse post,amiga!
    Para o Senhor nada é impossível!
    Bjos no coração!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  2. Que benção Valdejane!

    Glória a Deus pelas Escrituras Sagradas, Deus é poderoso e a sua Palavra é Vida.

    Bjim.

    ResponderExcluir
  3. Lindo o post, adorei.

    Beijos
    https://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Que texto reflexivo amiga, muito edificante...que a nossa fé seja maior que a do Profeta Ezequiel.
    Cremos que Deus fará o impossível em nossa vida, pois tudo está no controle dele.
    Amei o post, Deus seja contigo hoje e sempre.
    Um forte abraço amiga.

    http://embaixadoradedeus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião ela é muito importante para mim.