5 de junho de 2016

Como se comportar na igreja

Há alguns dias cheguei à igreja uns quinze minutos antes do culto começar,  assim que sentei no banco fui comentar com Sandro um assunto do nosso cotidiano, o culto não tinha começado e até o momento achava aquilo normal, ele me olhou e disse: Vida, nós estamos na igreja, eu respondi: Eu sei, mas o culto não começou ainda. Naquele momento ele começou me explicar da importância de não conversarmos assuntos seculares no momento que entramos na igreja para adorarmos a Deus. Sandro me explicou da importância de reverenciarmos a casa do Senhor. Sabemos que Deus não é preso ao tempo nem espaço, mas no momento que estamos ali para prestar um culto, Deus se faz presente, assim como no nosso culto racional, por isso a importância de não ficarmos conversando mesmo que o culto não tenha começado.  

Isso  fez lembrar-me de outros comportamentos que algumas pessoas têm durante o culto que é errado, mas para muitos já é normal. Por isso separei algumas dicas de boas maneiras na igreja, se você se vê em algumas dessas situações a seguir espero que elas possam te ajudar melhorar.

Fuja do atraso: Chegar atrasado à igreja já é um hábito tão comum para alguns que nem se esforçam para mudar, precisamos fugir disso e tentar ser disciplinadas com nossos horários.

Mas o que fazer quando chegamos com antecedência? Sentar no banco e bater papo? Negociar? Falar da situação política do país? Isso é o que vemos hoje em dia, mas é o que não deveria acontecer. Além de ser o momento oportuno para você ir resolvendo algumas necessidades básicas que não deve ficar para hora do culto, como beber água, por exemplo, esse momento deve ser aproveitado para orar, meditar na palavra, entrar em comunhão com Deus.

Se chegar depois que o culto começou: Seja discreta e acomode-se o mais rápido possível, ficar passeando dentro da igreja procurando o melhor lugar para sentar vai atrapalhar a concentração das demais pessoas. Se desejar sentar em um lugar que possa ter a melhor visão de quem está ministrando chegue cedo! Nada de ficar mandando as pessoas se apertarem no banco só para caber você.

Bate papo: Deixe para depois do culto, acredito que nenhuma conversa é mais importante que a palavra do Senhor. Quem está ministrando passou horas orando, estudando, pedindo orientação a Deus para trazer uma palavra que possa edificar a igreja e você com sua conversa além de atrapalhar quem está ao seu lado, é um  desrespeito com quem está ensinando.

Passeio: Ir ao banheiro, beber água, qualquer passeio na igreja também atrapalha. Se você não tem problemas de saúde, será que sua sede e vontade de ir ao banheiro não podem esperar? Sabe aquele bebê fofinho da irmã fulana? Você pode pegá-lo depois do culto, sair do seu assento só para pegar uma criança que está tão bem acomodada no braço de outra pessoa é um tanto desnecessário não acha?

Telefone tocando: Chato quando o pastor está falando e um telefone toca tão alto que parece uma sirene de ambulância. Se você não é obstetra e não tem nenhum parente hospitalizado nas últimas, então porque não pode desligar o telefone na hora do culto? Se for deixar ligado, deixe no silencioso.

 Cuidado com as crianças: Tem pais que quando chegam à igreja esquecem os filhos, as crianças ficam passeando, gritando e atrapalhando todo mundo. Crianças devem ser ensinadas desde pequenas reverenciarem a palavra de Deus, se sua igreja não tem salas e pessoas para cuidarem das crianças deixem-as perto de você. Uma das coisas que me deixa sempre com uma interrogação são: por que levar pipocas e guloseimas para as crianças comerem durante o culto, por que deixá-las sujar a igreja. São hábitos errados que infelizmente muitos pais acham normal, afinal uma pipoca vai fazer a criança parar de chorar! Será mesmo? Você não acha que com isso a criança está colocando na mente que é normal comer durante o culto? E comer durante o culto é correto? Sinceramente acho que não.  Não estou falando de crianças que mamam ou tomam mamadeiras.

Os saquinhos que algumas crianças espalham? O pior, é que algumas mães nem se dão o trabalho de recolher e quando alguém reclama responde: A igreja tem zelador pra isso! Não façam isso, o correto é não dá lanches as crianças durante o culto, mas se você tem esse hábito, junte todos os lixos em uma bolsa para jogar no lugar certo quando sair da igreja.

O cuidado com a igreja (templo): Cuidar dos objetos, da estrutura da igreja para mantê-la sempre aconchegante, cheirosa e confortável é dever de todos. Não faça na igreja aquilo que você não faria com sua casa.

Esses são alguns comportamentos que já vi em muitos cultos, sei que é possível ter mais e que a lista de boas maneiras pode ser bem maior, você pode me ajudar a completar essa lista; deixe um comentário contando os comportamentos errados que você já viu ou ver durante o culto assim como uma dica de boas maneiras, sua opinião é sempre importante.

Um abraço, que sua semana seja abençoada.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Querida (o) sua opinião ela é muito importante para mim, conte-me o que achou da postagem. Se você gostou compartilha com suas amigas, assim mais pessoas serão alcançadas.
Beijos.