17 de setembro de 2014

Sara um coração humilde e submisso

   Sara é um exemplo para nós mulheres cristãs,sabemos que as vezes é difícil ter um coração submisso mas é o que Deus quer de nós "ser submissa não quer dizer que a mulher tem que ser humilhada,espancada,maltratada"Deus não criou as mulheres para ser tratada como um animal, muitas pessoas maldosas usam o termo submissão para usar de atitude grotesca com as mulheres mas não é isso que Deus quer, na verdade essas pessoas só estão mostrando a maldade que existe em seus corações, isso não tem nada a ver com os mandamentos de Cristo.Não estou aqui para falar de nossa submissão nem como devemos ser submissa mas estou aqui para falar mais um pouco sobre Sara, para que possamos aprender um pouco mais sobre essa mulher guerreira que deixou sua família junto com seu marido para atender ao chamado do Senhor.
   Sara aparece na bíblia como o modelo perfeito de Deus para nós mulheres,sabemos que Sara era uma mulher muito bela e estéril sempre que falamos de Sara é disso que lembramos o quanto ela era bela e como almejava ter um filho,em virtude de sua beleza até mesmo governantes pagãos a desejavam, mas sua infertilidade causou enorme humilhação na vida doméstica e até mesmo divergências conjugais, sem dúvida Sara tinha beleza, brilho e criatividade mas o que mas fixou ela em nossas mentes foi sua devoção ao marido, Abraão.Com ele, ela não compartilhou somente dos seus desafios e sofrimentos, mas também de seus sonhos e bençãos,Sara não hesitou ela permaneceu ao lado dele nas decisões acertadas e nas escolhas erradas, na adversidade e na benção, na juventude e na velhice, sendo um ótimo exemplo de mulher que amou seu marido de maneira incondicional e firme.
   A bíblia dedica vários espaço a Sara, ela é elogiada, (Hb 11.11,1 Pe 3.6), é tomada como exemplo para demonstrar a diferença entre escravidão e liberdade (Gl 4.21.31) ela é descrita como uma mulher santa do passado, porque confiou no seu marido concordando com ele em tudo, Sara era uma mulher determinada mas ainda assim, escolheu se submeter a Abraão, numa atitude recomendada por Deus, ela foi continuamente identificada como esposa de Abraão, reforçando o fato de que Deus via o casal como uma só carne, deles foi requerido que acreditassem que o Senhor lhe daria um filho,mesmo Sara tendo pecado Deus manteve fielmente a promessa de que ela seria mãe de muitas nações (Gn 17.16).
                                                             
                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                         O que você achou deste pequeno estudo deixe sua opinião se quiser ler mais sobre Sara clique nesse link:   http://coisasdemulhercris.blogspot.com.br/2014/09/um-pouco-de-sara.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Querida (o) sua opinião ela é muito importante para mim, conte-me o que achou da postagem. Se você gostou compartilha com suas amigas, assim mais pessoas serão alcançadas.
Beijos.